A Vingança de Maria Netflix (2019): Crítica do filme filipino

a vinganca de maria netflix filme filipino sobre assassina lutas

O filme Netflix A Vingança de Maria é sobre uma assassina profissional em busca de vingança. Falando assim, a coisa parece uma espécie de “mais do mesmo”. E, quando olhamos o longa filipino mais de perto… Continua parecendo mais do mesmo.

A trama principal é simples. Maria (Cristine Reyes), que pertenceu ao cartel BlackRose, havia se recusado a executar um serviço. Isso evidentemente levou-os a considerá-la uma traidora, por isso ela forjou a própria morte para que não ficassem em seu pé. Com isso, Maria passou a ser Lilly, indo viver uma vida tranquila e pacata com seu marido e filha.

a vinganca de maria netflix filme filipino sobre assassina lutas 1

Acontece que o cartel BlackRose descobre que ela ainda está viva, e parte para cumprir sua execução pela antiga traição e consequente fuga através da falsa morte.

É aqui que a história do filme Netflix A Vingança de Maria começa de verdade. Ao perder a família para eles, Lilly precisa voltar a ser Maria, voltando aos velhos hábitos assassinos para obter sua retaliação (assista aqui).

A Vingança de Maria e a Suspensão de descrença

É claro que histórias como a de A Vingança de Maria existem aos montes, mas não é por isso que falo no primeiro parágrafo deste artigo sobre ser “mais do mesmo”. Afinal, existem muitos filmes com histórias clichê por aí que são realmente excelentes.

A Vingança de Maria tem uma história rasa, quase vazia, e o filme todo parece ser apenas um pretexto para mostrar algumas sequências de ação. Várias são realmente boas, outras nem tanto, mas um detalhe que pode incomodar alguns é que há muita conversa em momentos que simplesmente isso não deveria acontecer. Não que diálogos não sejam importantes – pelo contrário, são essenciais –, mas a forma e o momento em que são inseridos causa-nos muitas vezes ranhuras na suspensão de descrença.

a vinganca de maria netflix filme filipino sobre assassina lutas 6

O suspense, que deveria ser um elemento principal para manter o clima denso que a proposta da história exige, simplesmente é subestimado. Não há a sensação de roer unhas que vemos em bons filmes de ação. Não há a expectativa atendida no que diz respeito ao mistério da trama e, principalmente, não sentimos muito o carisma dos personagens.

Mesmo a antiga relação que descobrimos entre Maria e Kaleb (Germaine De Leon) soa como algo sem uma boa conexão. Em poucas palavras, é tudo raso demais.

a vinganca de maria netflix filme filipino sobre assassina lutas 4

Coordenação das ações

É uma pena que o roteiro e a direção (ambos de Pedring Lopez) tenham sido tão mal executados, porque o filme A Vingança de Maria Netflix tem realmente sequências de ação interessantes, em especial aquela em que Maria rivaliza com a assassina Miru (Jennifer Lee) no banheiro.

Em diversos momentos conseguimos perceber a boa intenção do diretor Pedring Lopez, inclusive no quesito Empoderamento Feminino, visto que Maria (e Miru também) é uma mulher que sabe tomar conta de si mesma e não precisa de nenhum príncipe/guerreiro para resgatá-la.

a vinganca de maria netflix filme filipino sobre assassina lutas 5

Apesar disso, é difícil dar uma nota acima de 3 estrelas (de um total de 5) para o filme Netflix A Vingança de Maria. Para que ele fosse melhor, deveria ter uma dessas coisas: 1) Mais sequências de ação para justificar assistir uma história sem enredo; 2) Uma história realmente boa para justificar pouca ação, ou 3) Personagens realmente apaixonantes para justificar uma história sem enredo e sem tanta ação.

Enfim, podem ser duras essas palavras sobre A Vingança de Maria, mas é somente um ponto de vista. Pedimos que deixe seu comentário e nos conte o que achou. De repente você nos ajuda a enxergar uma luz no fim deste túnel.

Aproveite para ver abaixo algumas informações extra sobre o original Netflix A Vingança de Maria.

Imagens e Sinopse e Ficha Técnica de A Vingança de Maria Netflix

Em diversos momentos conseguimos perceber a boa intenção do diretor Pedring Lopez, inclusive no quesito Empoderamento Feminino, visto que Maria (e Miru também) é uma mulher que sabe tomar conta de si mesma e não precisa de nenhum príncipe/guerreiro para resgatá-la. 2

Em diversos momentos conseguimos perceber a boa intenção do diretor Pedring Lopez, inclusive no quesito Empoderamento Feminino, visto que Maria (e Miru também) é uma mulher que sabe tomar conta de si mesma e não precisa de nenhum príncipe/guerreiro para resgatá-la. 3

Em diversos momentos conseguimos perceber a boa intenção do diretor Pedring Lopez, inclusive no quesito Empoderamento Feminino, visto que Maria (e Miru também) é uma mulher que sabe tomar conta de si mesma e não precisa de nenhum príncipe/guerreiro para resgatá-la. 7

Título Original: Maria;

Lançamento Netflix: 17 de maio de 2019;

Direção e roteiro: Pedring Lopez;

Sinopse Netflix: Ela tenta deixar seu passado de assassina para trás, mas é obrigada a invocar seus piores instintos após ser atacada por uma gangue.

Duração: 1g 29min;

País de Origem: Filipinas;

Classificação etária: 18 anos;

Ano de lançamento: 2019;

Gênero: Ação, Drama.

Você também poderá se interessar por Como Vender Drogas Online (rápido), Um Trapaceiro do Bem, O Mistério das Garotas Perdidas, After Maria, Alto Mar e Dilema.

Trailer do filme Netflix A Vingança de Maria

A Vingança de Maria Netflix (2019): Crítica do filme filipino

A Vingança de Maria é sobre uma assassina profissional em busca de vingança. Falando assim, a coisa parece uma espécie de “mais do mesmo”. Veja mais.

Editor's Rating:
3

Mais Artigos

Sobre o Autor

Eventualmente temos correspondentes variados em nosso blog, que são os "convidados". Trata-se de artigos escritos por diferentes pessoas, todos feitos especialmente para o Interprete-Me (conteúdos originais).

2 thoughts on “A Vingança de Maria Netflix (2019): Crítica do filme filipino

  1. Bom para quem faz a crítica do filme há um erro básico ela nasce Lilly e com a tradição a família ela deixa tudo para trás e se transforma e Maria e não ao contrário. No resto a crítica e bem feita o filme não é bom. Poderiam realmente ter feito melhor. O fim da a entender que vai ter o dois.

  2. Tem filmes que giram em torno de vingança, esse foi mais um. A parte que matam os traidores pra mim foi muito forte e pulei. Tem partes que chamam atenção. Sim, poderiam ter feito um filme melhor. No final dar a entender que terá a continuidade. Se houver, espero que seja melhor que esse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.