Black Earth Rising Netflix: Resenha da série sobre o Genocídio de Ruanda

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama

A nova série Netflix Black Earth Rising vem com uma história densa não apenas por seu conteúdo dramático, mas principalmente porque um dos fatos ocorridos na série, o Genocídio de Ruanda, aconteceu de verdade (assista aqui).

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 1Michaela Coel, que interpreta a protagonista Kate, já fez outros trabalhos na Netflix como o musical No Ritmo da Sedução, a comédia Chewing Gum, e uma participação em Black Mirror, no episódio “USS Callister”, da 4ª temporada. Em Black Earth Rising ela consegue brilhar ainda mais, mostrando todo o seu talento nessa série que teve o poder de emocionar a muitos.

Os 8 episódios da série foram inicialmente exibidos na BBC 2, entre Setembro e Outubro de 2018, já que é uma produção de parceria entre o canal e a Netflix.

A ficção que nos traz à realidade

Apesar de a história de Kate ser fictícia, o drama de sua vida se baseia num evento histórico que, infelizmente, é real. O Genocídio de Ruanda (um pequeno país do centro-oriental da África) foi um massacre ocorrido por conta de uma guerra civil iniciada em 1990 entre os Hutus e os Tutsi (duas classes sociais/étnicas predominantes em Ruanda e no Burundi), onde o Tutsi foram brutalmente assassinados, uma matança que beirou quase 1 milhão de civis.

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 2Black Earth Rising traz essa história à tona através de Kate, que tem a ajuda de Michael Ennis (interpretado por John Goodman) para investigar o que realmente aconteceu naquele país. Esse start vem, principalmente, do fato de sua mãe adotiva, Eve Ashby (interpretada pela veterana Harriet Walter), ter aceitado trabalhar no processo contra Simon Nyamoya (Danny Sapani), que foi uma pessoa importante para que o massacre ocorrido em Ruanda acabasse.

Evidentemente, não apenas Kate se sente traída, mas nós espectadores também passamos a nos sentir assim. Ao conhecermos o outro lado da história, nossa sede por justiça fala alto, e assim fica fácil nos agarrarmos à causa da protagonista, e sermos levados por toda a série para entender o que realmente aconteceu.

Essa dualidade entre as jornadas de Eve e Kate (mãe e filha adotiva) é apaixonante, pois vemos duas personagens com ligação afetiva tendo um grande choque de valores por conta do trabalho e do passado de cada uma. E também tem o impacto das revelações sobre a vida de Kate, principalmente no penúltimo episódio, quando vamos descobrindo coisas  sobre personagens insuspeitáveis, e que deixam Kate abalada.

Este foi um detalhe crucial para criar a “cola” da série Netflix Black Earth Rising, pois coloca várias questões em jogo – não apenas a investigação de Kate.

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 3

Na medida certa

Escrita e dirigida por Hugo Blick (que por acaso também faz um bico na série ao interpretar Blake Gaines, o rival de Michael e defensor de Patrice Ganimana), a série Netflix encanta não apenas pela história principal, mas também pelas pequenas sub-tramas que foram inseridas ao longo de seus 8 episódios.

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama cicatriz kate

Com isso, pode-se dizer que Black Earth Rising tem um sabor diversificado, não ficando cansativa ao focar em somente uma coisa. E essa é uma das principais características das boas séries: trabalhar os personagens coadjuvantes ao lado dos protagonistas, de forma que passemos a nos contorcer na cadeira pelo sucesso de todos eles.

Você também pode se interessar pelos filmes AnimasCloseSoni, IO: O Último na Terra, e as séries ManjuBörü – Esquadrão Lobo.

Entenda o efeito da Suspensão de Descrença, e saiba como isso afeta a forma como você assiste aos filmes e séries!

Trailer e informações da série Netflix Black Earth Rising

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 4

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 6

black earth rising netflix serie massacre ruanda drama 5

Sinopse: Adotada por uma advogada especialista em direitos humanos após o genocídio de Ruanda, a investigadora Kate Ashby confronta o passado ao assumir casos de crimes de guerra.

Duração dos episódios: aproximadamente 1 hora;

Classificação etária: 16 anos;

Ano de lançamento: 2018 (BBC 2) e 2019 (Netflix);

Gênero: Drama, Suspense;

Gostaria de ver filmes e games como terapia? Venha trocar uma ideia em nosso grupo de whatsapp

Mais Artigos

Sobre o Autor

Escritora, redatora e ilustradora autodidata, Nantai procura reavivar a centelha de magia que todos temos. Gosta de montanhas, gatos, e de escrever ao som da chuva. Gosta de falar sobre fantasia e ficção científica, e colabora neste blog com um pouquinho de tudo. www.bcrausnantai.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.