Carlo e Malik Netflix: Crítica da série sobre intolerância racial

carlo e malik netflix nero a meta serie italiana racismo

A série italiana Netflix Carlo e Malik (cujo nome original é Nero a Metà) é uma produção da Cattleya, uma das principais produtores de filmes independentes da Itália.

Essa primeira temporada da série conta com 12 episódios, e tem um ritmo viciante, com ação e romance em boas medidas. A história foi dirigida por Marco Pontecorvo, e tem como principal foco a exposição de aspectos sociais como a intolerância racial na Europa (assista aqui).

carlo e malik netflix nero a meta serie italiana racismo 2

O racismo em Carlo e Malik

O protagonista aqui é um dos que leva o nome na série: Carlo Guerrieri (interpretado por Claudio Amendola), um inspetor da polícia romana que, além de lidar com seu antagonista na série (Gilles Rocca) ainda precisa encarar o próprio passado. Aliás, essa linha narrativa de um policial ter que encarar o passado pode até parecer clichê, mas sempre é interessante, pois nos fisga pela curiosidade e empatia.

Apesar disso, o tema principal gira em torno do personagem Malik Soprani (Miguel Gobbo Diaz), um vice-inspetor que, por estar infiltrado entre os criminosos e por ser negro, entra na mira das investigações de Carlo.

carlo e malik netflix nero a meta serie italiana racismo 4

Como o inspetor Guerrieri é bom no que faz acaba capturando Malik, e com isso destrói seu disfarce. É a partir daí que ambos precisam trabalhar juntos. E, graças ao temperamento ranzinza do protagonista, a jornada dos heróis acaba sendo cheia de pedras e desconfianças. Afinal, Carlo pode não admitir de início, mas é racista. Não confia em Malik e não quer sua filha perto dele, mesmo com todas as provas que o vice-inspetor dá de sua lealdade e competência.

 

A série Netflix Carlo e Malik vem em boa hora não apenas para nosso entretenimento, mas também como uma crítica ferrenha ao tratamento que se dá a pessoas de etnias que diferem da maioria. No Brasil há movimentos contra essa intolerância, mas ainda assim o preconceito é o que mais vemos por aí. E os países europeus, tão marcado pela história sangrenta dos anos que se passaram, também não se recuperaram totalmente, tendo o racismo bem evidente em muitos cidadãos.

carlo e malik netflix nero a meta serie italiana racismo 1

Com séries como Carlo e Malik, onde um dos principais personagens veste este preconceito como característica, acabamos nos espelhando em suas opiniões e, com o passar dos episódios e a mudança da visão de Carlo, vamos também percebendo o quão injustos podemos ser com nossos julgamentos.

Com isso, a série Netflix Carlo e Malik se torna um prato cheio para acompanharmos com prazer, na certeza de que ao final seremos presenteados com uma sensação de plenitude (e o natural desejo por uma segunda temporada).

carlo e malik netflix nero a meta serie italiana racismo 3

Você também poderá se interessar por Areia Movediça, Suzzanna: Enterrada Viva, Portal Verde, Se Eu Não Tivesse te Conhecido e Estrada Sem Lei.

Trailer e informações da série Netflix Carlo e Malik

Veja também uma crítica em vídeo da série Carlo e Malik:

Sinopse Netflix 1: Um policial veterano precisa enfrentar seus preconceitos e fantasmas do passado ao trabalhar com um novato na investigação de uma série de assassinatos em Roma.

Sinopse Netflix 2: Após uma perseguição no mercado levar a uma descoberta de um corpo congelado, o inspetor Carlo Guerrieri está determinado a encontrar um homem que viu no local.

Duração dos episódios: aproximadamente 50 minutos;

Classificação etária: 16 anos;

Ano de lançamento: 2018;

Gênero: Drama policial, Ação, Romântico;

Carlo e Malik Netflix: Crítica da série sobre intolerância racial

Carlo e Malik é uma série italiana que, além de ter cenas de ação bem feitas e uma história atrativa, incorpora a crítica à intolerância étnica. Veja mais.

Editor's Rating:
4

Mais Artigos

Sobre o Autor

Blog voltado a análises, e interpretações de filmes/séries, artigos variados sobre cursos, tutoriais, curiosidades e afins.

2 thoughts on “Carlo e Malik Netflix: Crítica da série sobre intolerância racial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.