Craigslist Joe – um mês vivendo de caridade de usuários

Documentário Craigslist Joe disponível na Netflix

Muito legal o documentário Craigslist Joe que vi hoje na Netflix, onde mostra como Joe Garner conseguiu viver um mês inteiro dependendo apenas da benevolência de usuários da Craigslist para sobreviver. A motivação deste filme documentário foi para avaliar se os EUA ainda têm um senso de comunidade.

A Craigslist é uma rede de comunidades online centralizadas que disponibiliza anúncios gratuitos aos usuários. São anúncios de diversos tipos, desde ofertas de empregos até conteúdo erótico. O site da Craigslist também possui fóruns sobre diversos assuntos.

O serviço foi fundado em 1995 por Craig Newmark, em São Francisco, na Califórnia, e se expandiu para outras nove cidades no ano 2000, mais quatro em 2001, mais quatro também em 2002 e mais quatorze em 2003. No mês de setembro de 2007, a Craigslist já se fazia presente em aproximadamente 450 cidades ao redor do planeta. (fonte deste trecho: wikipédia)

Com a coragem como companheira, a vida lhe apresenta diversas situações e histórias interessantes. Sem nada de dinheiro e cartão de crédito, a ideia é viver inteiramente de doações dos usuários do Craigslist. Todas as coisas que ele obter terão de vir de conexões do Craigslist. Além disso, ele não terá acesso a nenhum contato conhecido. Os itens que ele leva são:

  • Celular
  • Notebook
  • Mochila
  • Passaporte
  • Roupas na mochila
  • Um câmera man (que foi encontrado no Craigslist uma semana antes)
Joe na rua tentando conseguir um local para dormir

Ver como as pessoas o ajudam é bem interessante. Mas imagine você em pleno inverno dos EUA sem ter onde dormir. Precisará encontrar abrigo, tomar banho, comer e suprir as demais necessidades naturais do corpo humano.

Um pequeno spoiler que queria compartilhar é sobre o acolhimento de uma família de origem iraquiana. Ver as histórias de como foi difícil depois do 11 de setembro é de partir o coração. Mas veja como é bizarro uma família que tem no seu dia a dia lidar com opressão de americanos, simplesmente acolher um deles e compartilhar diversas coisas com muito amor e respeito.

Este filme documentário merece uma chance. Infelizmente para quem gosta de filmes dublados, este que vos falo é legendado apenas. Mas é sempre possível que a Netflix venha disponibilizar uma dublagem, quem sabe? Mas no momento que escrevo este post, é apenas legendado.

Trailer de Craigslist Joe


Compartilhe
Jerry

Administrador do blog Interprete-me, Jerry D. Blodgett tem paixão pela literatura subjetiva e os estudos da filosofia e psicologia. Sempre que possível, faz pontes entre a reflexão interior e o entretenimento.

Publicado Por