Go! Viva do Seu Jeito! Netflix: na série há clichês mas tem ótima música

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente

Desde que o original Netflix Go! Viva do Seu Jeito foi anunciado, muitas especulações correram por aí. E agora que está disponível para assistirmos pudemos comprovar: a série adolescente é um musical perfeito para os fãs do estilo “Rebelde” e “High School Musical” (assista aqui).

A série Netflix, dirigida por Sebastián Mellino, conta sobre Mia Cáceres (Pilar Pascual), uma adolescente que tem um talento para canto e dança, e quer de todo jeito conseguir uma bolsa para estudar na famosa escola Saint Mery.

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 01A seleção para as duas únicas bolsas de desconto é feita através de uma espécie de audição, um concurso de talentos onde pretendentes a alunos cantam e dançam (e tocam). Mia vai muito bem, arrancando aplausos acalorados da plateia, mas por inveja e maldade de Lupe, que é filha da diretora, a protagonista acaba não sendo selecionada.

Com isso, já vamos sentindo qual é a vibe que atravessará os quinze episódios da séire.

O famoso clichê do ensino médio: boazinha VS malvadinha

Sim, a série Go! Viva do Seu Jeito é recheada de clichês de escolas adolescentes, onde muitas das situações e diálogos simplesmente soam forçados, infelizmente. O enredo é bem simples e previsível, parecendo até que estamos vendo uma versão argentina da novela “Malhação”.

Em muitos momentos algumas situações poderão parecer dignas de vergonha alheia. Coisas que geralmente só vemos em desenhos animados de piadas forçadas soam às vezes ridículas quando colocadas numa série.

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 02
O trio das “malvadas populares” – cena que já vimos várias e várias vezes, em diversas séries e filmes adolescentes (e por que quase sempre são TRÊS?)

O maior dos clichês de Go! Viva do Seu Jeito é a “riquinha malvada e invejosa“. Lupe Achával (interpretada por Renata Toscano Bruzón) é a garota que surge para infernizar a vida de Mia, sempre destilando todo o seu veneno nos diálogos, maldade nas atitudes e inveja nos pensamentos. Tudo bem que é comum ter pessoas bem ásperas e insuportáveis nos colégios, mas… convenhamos: este estereótipo cansa (principalmente porque essa é uma faceta única mostrada dela, como se nada mais restasse em Lupe além de um poço de malvadeza – o que, sabemos, não é verdade). E falo também da protagonista: Mia é sempre tão perfeita, sem maldades, sempre ajudando a todos, altruísta e sorridente. Ela pode nos inspirar em muitos momentos, mas não deixa de ser uma “Mary Sue”. E personagens muito perfeitinhos (ou malvadinhos demais) são rasos e podem não ter força para nos levar por muitas temporadas.

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 03

As músicas de Go! Viva do Seu Jeito

Apesar de tudo isso, as músicas interpretadas em Go! Viva do Seu Jeito são energéticas, animadas e realmente muito boas. Assisti a série na versão original em espanhol, e percebi que vale MUITO a pena ouvi-las do jeito que são (sem dublagem).

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 4O interessante é que as músicas vêm em vários estilos, para todos os gostos. Apesar disso, as que mais fazem sucesso (e que mais são procuradas) são as pop com letras que falam sobre sermos nós mesmos e seguirmos nossos sonhos. Acho super importante que músicas assim sempre sejam lançadas, pois a cada geração os jovens precisam de um estímulo moderno para realmente acreditarem em si (já que, com a sociedade em que vivemos, é muito fácil se deixar levar pela amargura de quem não teve coragem de ir além).

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 5No fim, para quem gosta de músicas pop, a série Go! Viva do Seu Jeito vale a pena (foi o que fez eu dar nota 4/5). E se você curte os clichês adolescentes do estilo “Malhação”, também irá gostar da história (que deixa um gancho para uma segunda temporada, nos deixando curiosos sobre a tal “revelação” à respeito da protagonista Mia).

Após tantas músicas inspiradoras, duelos de dança, digo que vale a pena mesmo assistir o original em espanhol.

E, para quem quer as músicas, segue abaixo algumas das principais. Se quiser ouvir todas, segue o link do álbum do Spotify (com 13 músicas) para você curtir a todo momento!

ALERTA DE SPOILER: no fim de Go! Viva do Seu Jeito, apesar de haver uma pequena sabotagem da vilã, inimigas sobem ao palco pelo bem no dia da competição. Achei mancada da Lupe ter feito aquilo, porém ver as duas performando “See You” foi realmente lindo!

Conte nos comentários o que achou da série. Qual sua música favorita, e qual foi o clichê que mais te incomodou (se é que incomodou). E… o que acha que a madrinha de Mia vai revelar ao diretor sobre a protagonista? Eu tenho lá minhas ideias, mas comente suas teorias.

Você também poderá se interessar pelas séries Primeira Vez Amor, Romance is a Bonus Book, Sempre Bruxa, Sex Education e Alexa e Katie. Também recomendamos Nosso Último Verão, A Loja de Unicórnios, Love, Death and RobotsDurante a Tormenta.

Entenda o que te faz imergir numa história: a suspensão de descrença!

Trailer e informações da série Netflix Go! Viva do Seu Jeito

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 6

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 7

go viva do seu jeito netflix a tu manera musical adolescente 9

Sinopse Netflix: A talentosa Mía consegue uma bolsa de estudos em uma conceituada escola de artes cênicas, onde entra em conflito com a filha popular do proprietário.

Duração dos episódios: aproximadamente 35 minutos;

Classificação etária: Livre;

Ano de lançamento: 2019;

Gênero: Comédia, Drama adolescente, Musical;

Go! Viva do Seu Jeito! Netflix: na série há clichês mas tem ótima música

Go! Viva do Seu Jeito é uma série repleta dos típicos clichês de que ocorrem numa escola adolescente. Porém, as músicas fazem cada episódio valer a pena.

Editor's Rating:
4

Mais Artigos

Sobre o Autor

Escritora, redatora e ilustradora autodidata, Nantai procura reavivar a centelha de magia que todos temos. Gosta de montanhas, gatos, e de escrever ao som da chuva. Gosta de falar sobre fantasia e ficção científica, e colabora neste blog com um pouquinho de tudo. www.bcrausnantai.com

7 thoughts on “Go! Viva do Seu Jeito! Netflix: na série há clichês mas tem ótima música

  1. Já vi tudoooooooooooo. É a melhor serie de todas, Netflix arrazou, rsrs.
    Estou super ansiosa para a segunda temporada e espero que postem a próxima temporada logo pois estou surtando , quero muito a continuação . Sem duvidas vejam essa serie ela é incrível.

  2. Eu amei a série achei maravilhosa , mas tou com uma dúvida as músicas em dublado, quem faz a dublage?m pq eu escutei em espanhol também e achei as vozes aparecidas de mais iae??

  3. Bem, eu cresci assistindo Violetta e Soy Luna (tenho 15 anos agora), portanto, tenho uma tendência a gostar deste estilo de série. E, apesar das cenas de vergonha alheia, eu gostei bastante. Mesmo tendo o clichê da menina riquinha malvada, acho interessante destacar algumas coisas que eu não lembro de ter visto antes em personagens do gênero, tais como: a Lupe (patricinha) se importar com as amigas (daquele jeitinho dela, né); a Zoe (garota meio que fora de certos padrões de feminilidade) ser excluída “por opção”, já que a mesma não se identificava com a personalidade e comportamento dos outros estudantes, etc.
    Ah, mais duas observações: apesar da Lupe ser feminista, ao meu ver, ela não percebia precisamente que estava/está em um relacionamento tóxico — tanto por parte dela, quanto do namorado; a outra é que eu achei fofo quando foi mostrado o Álvaro chorando escondido por medo de não ser respeitado pelos colegas de time. Foi muito interessante os produtores trazerem essa abordagem, pois, muito se fala da pressão que as mulheres sofrem, mas, muitas vezes, as pessoas se esquecem da pressão que os homens sofrem para manter a sua “masculinidade” intacta.
    A série já está na 2° temporada, porém eu ainda estou no 13° episódio da primeira. Até agora, essas são as minhas opiniões. Nem sei se alguém vai ler, mas é isso kkkkk. Ótimo blog, gostei da crítica. E a minha música favorita é “Ya No Más”, eu até me emocionei escutando.
    ~ The end

    1. Isso que voce falou, sobre a pressão que os homens sentem para manter a “masculinidade”, é muito verdadeiro. A prova que o machismo é prejudicial pra todo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.