Longas e Curta-metragens

Joy Netflix (2019) A triste realidade do tráfico sexual

O filme Netflix Joy, da diretora Sudabeh Mortezai, expõe uma triste realidade através do retrato da vida de escravidão sexual das migrantes nigerianas (assista aqui).

O ambiente que Sudabeh Mortezai expõe em Joy é bem desenhado, e serve-nos para sentir uma parcela da dor que as personagens passam diariamente ao terem que pagar uma dívida através do sexo.

Neste filme, a protagonista é “Joy”, uma jovem nigeriana que foi pega em falsas promessas e acabou integrando o círculo do tráfico sexual, sendo supervisionada de perto. Em meio às tentativas de dar uma vida melhor para sua família, ela se vê sendo obrigada a cuidar de uma nova garota – também enganada para se tornar prostituta – enquanto avalia os riscos de pegar um atalho para sua liberdade.

O Tráfico sexual nu e cru

O nome da protagonista, Joy (que também dá título a este filme Netflix), é quase irônico visto que a palavra significa “alegria”. O filme Netflix Joy vem para mostrar, quase como uma denúncia, um fato que acontece a respeito da imigração, não apenas européia, mas em todos os cantos do mundo: dezenas de garotas entrando numa armadilha.

A visão crua dada pelo filme coloca a protagonista (e as outras que sofrem o mesmo) no centro de um ciclo de abusos que torna a escapatória praticamente impossível.

Para quem acha que a realidade do filme Netflix Joy está muito longe do Brasil (ou até da realidade como um todo), recomendo que assista ao documentário abaixo, de apenas 20 minutos. É triste saber que este crime ainda tem uma impunidade enorme:

Veja abaixo mais detalhes do filme que, apesar de fictício, retrata uma realidade que acontece debaixo de nossos narizes sem nos darmos conta.

Imagens, sinopse e Ficha Técnica de Joy Netflix

Da esquerda para a direita: Anwulika Alphonsus (Joy), Sudabeh Mortezai (diretora do filme), e Mariam Sanusi ( Precious)

Lançamento Netflix: 24 de maio de 2019;

Direção e roteiro: Sudabeh Mortezai;

Sinopse Netflix: Na Áustria, uma prostituta nigeriana conta os dias para quitar suas dívidas enquanto ensina o ofício a uma novata e avalia os perigos de pegar um atalho para a liberdade.

Duração: 1h 39min;

País de Origem: Austria;

Classificação etária: 16 anos;

Ano de lançamento: 2018;

Gênero: Drama.

Você também poderá se interessar por Alto Mar, Dilema, The Perfection, Fim do Mundo, Cozinha do Bem e Fúria Feminina.

Trailer do filme Netflix sobre tráfico sexual, Joy

https://www.youtube.com/watch?v=8KcUWNweIow

Compartilhe
Convidado

Este é um artigo enviado por um convidado do site.

Publicado Por