O Mundo dos Centauros Netflix é uma série de animação colorida e original que se sobressai em comparação com as outras produções do tipo na plataforma de streaming (assista aqui).

Adultos e crianças podem gostar desse material, já que o desenvolvimento dos personagens da animação Netflix O Mundo dos Centauros faz qualquer pessoa se apegar a eles com muita facilidade — para um desenho animado, é um ótimo feito.

Do que se trata a animação O Mundo dos Centauros Netflix

A história de O Mundo dos Centauros não perde tempo com explicações prévias: acompanhamos logo no primeiro episódio a história de uma égua usada para batalhas.

Sempre mal-humorada, ela tenta sobreviver em um ambiente hostil, até que um dia acaba sendo transportada para um mundo completamente diferente.

Ao explorar rapidamente esse mundo mágico, essa égua percebe que ele é habitado por diversos centauros de várias formas, cores e tipos. É nesse cenário que ela precisa encontrar a sua cavaleira, de quem se perdeu antes de entrar nesse ambiente totalmente novo.

A melhor coisa para os adultos que eventualmente possam assistir O Mundo dos Centauros ao lado de suas crianças é que esse cenário aparentemente lúdico e infantil demais traz personagens bastante carismáticos e um arco dramático bem definido.

Não se perde tempo com firulas, a narrativa é bastante direta e tem ótimas piadas, mas também aposta em momentos dramáticos de impressionante profundidade para esse tipo de criação.

A construção do personagem principal da animação Netflix O Mundo dos Centauros se baseia fortemente na Jornada do Herói, esquema usado por praticamente todos os filmes e séries há muitos anos.

Isso fica muito visível na “missão” que a égua precisa cumprir para conseguir voltar para casa: ela tem que encontrar peças de uma chave que abre um portal para que ela retorne para seu mundo.

Com isso, vem também uma ajuda, a de Wammawink e seu alegre bando de desajustados. São esses personagens da animação Netflix O Mundo dos Centauros quem ajudam a égua em sua jornada, atravessando alguns perigos e momentos tensos.

Nesse meio tempo, vamos entendendo melhor como funciona esse novo mundo todo colorido, além também termos alguns vislumbres da vida pregressa da égua, e por que ela deseja tanto retornar.

Ao longo da primeira temporada de O Mundo dos Centauros, os personagens aprendem e crescem uns com os outros, e ver isso se desenvolver é em parte o motivo pelo qual o programa funciona tão bem.

A melhor mostra que temos disso é o próprio grupo de Wammawink, que relutam em embarcar em uma aventura por medo de sair de sua zona de conforto. Conforme vão ganhando confiança, vão se desenvolvendo e se abrindo para uma nova realidade. É uma mensagem bonita: para crianças e adultos, inclusive.

Vale a pena assistir O Mundo dos Centauros?

O original Netflix O Mundo dos Centauros, portanto, é uma animação interessante que consegue fisgar a atenção do público com uma história relativamente simples, mas que encanta por ser bastante direta e trazer mensagens que podem ser entendida por todos sem problemas.

Para quem gosta de animações, é uma boa opção por ter temas suficientemente adultos para entreter esse público, ao mesmo tempo que seu mundo de cores e músicas consegue deixar as crianças bastante atentas para o que vem a seguir. É uma série super recomendada.

Sinopse e Ficha Técnica da animação O Mundo dos Centauros Netflix

Título Original: Centaurworld;

Lançamento Netflix: 30 de julho de 2021;

Criação de: Megan Dong;

Sinopse: Em uma missão para encontrar sua fiel cavaleira, uma égua destemida viaja por um mundo fantástico, repleto de magia, aventura e centauros que cantam.

Duração dos episódios: aproximadamente 25 minutos;

País de Origem: Estados Unidos;

Classificação etária: 10 anos;

Gênero: Animação juvenil, Comédia, Aventura, Fantasia.

Você também poderá se interessar por Vosso Reino (suspense), Desaparecido Para Sempre (suspense), Beckett (suspense), Top Secret Ovnis, Pray Away (LGBT) e Mudança Mortal (terror).

Compartilhe
Luiz Henrique Oliveira

Nascido em 1986, editor-chefe no Cenapop, colunista no Interprete.Me, redator no UOL e youtuber no Cinco Tons.

Ver comentarios

  • Sim. Muito colorida. Atrativa pra criançada. E cheia de mensagens subliminares de ideologia de gênero pra não dizer uma pura ode ao homossexualismo e sexualização infantil. Um lixo! Os criadores deveriam ser processados.

    • Um lixo é tua cara. Nunca assistiu. TI conseguiu hackear seu endereço e informações, vamos te processar. Homofóbico. #HomofobiaÉCrime. AGUARDE.